Adágios

"Mais triste que último dia de rodeio."
"Mais quieto que guri cagado."
"Mais curto que coice de porco."
"Mais bonita que laranja de amostra."
"Mais apressado que cavalo de carteiro."
"Judiado como filhote de passarinho em mão de piá."
"Frouxo como peido em bombacha."
"Firme que nem prego em polenta."
"Fino e comprido como pio de pinto."
"Feliz que nem lambari de sanga."
"Faceiro como mosca em rolha de xarope."
"Esparramado como dedo de pé que nunca entrou em bota."
"Esfarrapado que nem poncho de gaudério."
"Encardido como peleia de caudilho."
"Mais perdido que filho da puta em dia dos pais."
"Mais perdido que cusco em procissão."
"Mais perdido que sapo em cancha de bocha."
"Mais faceiro que mosca em tampa de xarope."
"Mais cheio que corvo em carniça de vaca atolada."
"Mais comprido que cuspe de bêbado."
"Mais conhecido que parteira de campanha."
"Mais constrangido que padre em puteiro."
"Mais chato que gilete caída em chão de banheiro."
"De boca aberta que nem burro que comeu urtiga."
"Mais medroso de cascudo atravessando galinheiro."
"Mais bonita que laranja de amostra."
"Mais baixo que vôo de marreca choca."
"Mais atirado que alpargata em cancha bocha."
"Mais sofrido que joelho de freira em Semana Santa."
"Mais apertada que bombacha de fresco."
"Mais ansioso que anão em comício."
"Feliz que nem lambari em sanga."
"Mais por fora que surdo em bingo."
"Mais angustiado que barata de ponta-cabeça."
"Mais por fora que quarto de empregada."
"Mais ligado que merda em tamanco."
"Mais assustado que véia em canoa."
"Mais faceiro que gúri de bombacha nova."
"Mais perdido que cego em tiroteio."
"Calmo que nem água de poço."
"Saracoteando mais que bolacha em boca de véia."
"Mais amontoado que uva em cacho."
"Mais pesado que sono de surdo."
"Solto que nem peido em bombacha."
"Mais curto que coice de porco."
"Firme que nem prego em polenta."
"Mai nojento que mocotó de ontem."
"Mais curto que estribo de anão."
"Mais ligado que rádio de preso."
"Mais grosso que dedo destroncado."
"Mais firme que palanque em banhado."
"Mais grosso que cintura de pato."
"Mais grosso que pino de patrola."
"Mais feio que resbalão de porco na lajota."
"Mais feio que Paraguaio baleado."
"Mais feio que coxar a mãe no tanque."
"Mais grudado que merda em tamanco de leitero."
"Mais baixo que vôo de marreca choca."
"Mais raro que enterro de anão."
"Mais sério que criança cagada."
"Mais fechado que baú de viúva."
"Mais perdido que anão em comício."
"Mais enfeitado que quarto de china."
"Mais informado que gerente de funerária."
"Mais por fora que cotuvelo de caminhoneiro."
"Mais por fora que joelho em mine-saia."
"Mais ligado que rádio de preso."
"Mais chato que chinelo de gordo."
"Mais mimoso que gato de solteirona".
"Mais por fora que rego de gordo".
"Mais velho que cagar sentado".
"Mais apertado que coleira de guaipeca".
"Mais cascudo que cotovelo de bodegueiro".
"Mais atrasado que risada de surdo".
"Atravessado feito cu de lagarto".
"Bagaceiro que nem papagaio de zona".
"Mais engraxado que telefone de açougueiro".
"Mais gasto que fundilho de tropeiro".
"Mais falso que idade de mulher".
"Se fazer de louco pra cagar perto de casa".
"Mais escondido que orelha de freira".
"Tão esperto que conhece o cego dormindo e o rengo sentado".
"Mais viajado do que cusco de cigano".
"Extraviado que nem chinelo de bêbado".
"Mais fácil que peidar dormindo".
"Mais feliz que puta em dia de pagamento de quartel".
"Faceiro que nem gordo em festa de criança".
"Mais grosso que cagalhão de tropeiro".
"Limpo como fogão de solteirona".
"Mais inútil que teta em homem".
"Mentir mais que viúva de padre".
"Molhado como peido de caganeira".
"Mais nervoso que anão em comício".
"Mais perfumado que mão de barbeiro".
"Quieto que nem guri cagado".
"Sofrer mais que sovaco de aleijado".
"Mais triste que tia em baile".

Ouvir pelo MediaPlayer Ouvir pelo Winamp Android iTunes Facebook