MTG

O MTG, teve o seu início com a fundação do Grêmio Gaúcho, pelo Major João Cezimbra jacques, EM 22 DE MAIO DE 1898, em Porto Alegre.

Cezimbra Jacques é santa-mariense e é o Patrono do movimento tradicionalista gaúcho.
Durante os seguintes 40 anos, foram fundados diferentes grêmios e sociedades gaúchas pelo estado.

Mas, o marco do tradicionalismo atual aconteceu em 24 de abril de 1948, com a fundação do "35" Centro de Tradições Gaúchas (CTG), em Porto Alegre, por um grupo de estudantes que seriam os precursores do renascimento das tradições do Rio Grande do Sul.

PASSOS IMPROTANTES DO MTG:
*1954 I Congresso Tradicionalista – Realizado no Ponche Verde CTG, Santa Maria, onde foi aprovada a tese "O sentido e o Valor do Tradicionalismo" de Luis Carlos Barbosa Lessa.

*2/12/1959 VI Congresso, quando foi criado o Conselho Coordenador do Movimento, realizado em Cachoeira do Sul.

*Os objetivos do MTG decorreram das decisões adotadas pelo Congresso e são consubstanciados em documento denominado "Carta de Princípios do Movimento Tradicionalista Gaúcho", aprovada no VIII Congress, em 1961, na cidade de taquara. A Carta de Princípios possui 29 itens e foi escrita por Glaucus Saraiva.

*O passo maior foi dado em 1966, no XII Congresso, em Tramandaí, quando foi criada a entidade Cívil Aglutinadora, já com o nome de Movimento tradicionalista Gaúcho – MTG.

*Em 26 de julho de 1975, o último passo foi dado como a Aprovação do seu estatuto, dando ao MTG características de Federação dos Centros de Tradições e Entidades Afins.

*O MTG é guia orientador, em seus princípios filosóficos, de mais de mil Centros de Tradições a ele filiados, em todo o Brasil. Nos filiados militam mais de três milhões de pessoas, o que torna o MTG, a maior entidade de características socio-cívico-culturais da América Latina.

A divisão territorial do MTG, se denomina em "Regiões Tradicionalistas"

Ouvir pelo MediaPlayer Ouvir pelo Winamp Android iTunes Facebook