Página Alma Pampeana 29/10/2013

ADÁGIOS
* Empacado como burro de mascate (diz-se da pessoa que não se decide ou que sempre trava decisões).
* Esperto que nem gringo de venda.
* Está como o banhado quando o graxaim passa a trote.
* Furioso como gato embretado em cano de bota.

ACONTECIDO
* 19/10/2005 Falecia no Hospital São Francisco, em Porto Alegre, aos 73 anos, Henrique Dias de Freitas Lima, promotor aposentado, idealizador da Califórnia da canção Nativa de Uruguaiana, junto com Colmar Pereira Duarte. Nascido em Uruguaiana, mas residia em Porto Alegre.
Henrique Dias de Freitas Lima também foi patrão do CTG Sinuelo do Pago, mantenedor da Califórnia.

DICIONÁRIO GAÚCHO
BACALHAU, s. Azorrague, açoite, relho, chicote. Tira de couro cru, torcido, para servir de corda. Coisa seca. Pessoa muito magra. Enchimento de emergência que se faz no pneumático do automóvel, quando o mesmo está rompido, para preservar a câmara de ar.
BCALHAU DE PORTA DE VENDA, Expr. Pessoa muito magra, esmirrada, demasiadamente seca. 
BADANA, s. Pele macia e lavrada que se coloca, na encilha do cavalo de montaria, por cima dos pelegos ou do coxonilho, se houver. Há badanas de couro de vários animais, sendo as melhores as de couro de cervo ou de veado pardo. 

 EDSON OTTO
07/10/2004 – Falecia aos 67 anos, o cantor, poeta, cositor, advogado, pesquisador EDSON OTTO, ex-presidente do Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore e da Confederação Brasileira de Tradição Gaúcha, faleceu às 22 horas, em Porto Alegre, depois de uma longa enfermidade. Otto foi um dos fundadores da Califórnia da Canção Nativa de Uruguaiana - RS. Natural de Carazinho. Em 1979 ganhou a Caliandra de Ouro interpretando a música “O Esquilador”, vencedora da Califórnia daquele ano, sendo escolhido como o melhor intérprete.
Uma de suas  últimas apresentações em público ocorreu no dia 19 de setembro, quando participou de um show com o melhor da música gaúcha, no Anfiteatro Pôr - do Sol, em Porto Alegre.
Foi um dos fundadores do MTG em Porto Alegre, tendo pertencido ao quadro como Conselheiro e Conferencista por longa data; fundador do IGTF (Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore), onde atuou como Diretor Administrativo por 10 anos entre as décadas de 80 e 90, e onde atuava no momento, como Funcionário, em cargo de comissão.
Fundador e primeiro Presidente da CBTG (Confederação Brasileira de tradicionalismo Gaúcho); Diretor do Jornal Tradição, órgão oficial do MTG, que não circulava mais há alguns anos. Tinha um acervo de mais de 50 músicas gravadas em festivais e dois CDs lançados que não estão à venda no mercado. 
Músicas que mais se destacaram Prece ao Minuano e O Esquilador.

ACONTECE
* 26 e 27/10/2013 – Torneio de Laço promovido pelo Piquete Criado em Galpão de Saltinho (13ª RT) – SC informações 49 – 3243 -1232.
* 03//2013 – Domingueira em Galvão – SC promovido pelo CTG Rincão da Saudade.
Informações: 49 – 3342 – 1135

CULINÁRIA CAMPEIRA
COSTELA DE FOGO DE CHÃO
Ingredientes: 
Uma costela de 10 Kg, sal grosso moído.
Modo de fazer:
Para prepara o fogo de chão, cave um buraco fundo, com uma profundidade que dê para encher com um saco de carvão e acenda. Depois de passar o sal grosso por toda a peça, dois segredos são necessários para deixá-la no ponto: um é de sempre manter o mesmo calor, completando pouco a pouco o carvão do buraco; outro é deixar a costela inclinada sobre o fogo, para que pegue mais calor. Não caia na tentação de retirar  costela do fogo antes de sete a nove horas. A paci~encia é o segredo deste prato. Enquanto ela fica pronta, lingüiças como aperitivo ou uma picanha são uma boa pedida para tapear a fome.

DICAS
1. Verifique se o açougue ou mercado em que você compra a carne é fiscalizado pela vigilância sanitária e possui certificado do Ministério da Saúde.
2. Lembre-se de nunca colocar a carne de molho na água. Ela comprime as fibras e deixa a carne dura. 
3. Limpe a carne com uma faca afiada, tirando os sebos e gorduras desnecessárias, lembrando de nunca lavar a a peça
4. Procure não usar muitos temperos. O sal grosso é o mais indicado, pois ressalta o sabor da carne. É bom evitar os temperos muito ácidos como vinagre e limão, pois o ph baixo tira a umidade da carne.
5. A escolha do espeto é muito importante. Evite os cromados e prefira aço 304 L, que não são prejudiciais a saúde. Para carnes mais grossas e pesadas, escolha espetos duplos. Para carnes como a picanha, utilize os espetos únicos.

Ouvir pelo MediaPlayer Ouvir pelo Winamp Android iTunes Facebook